Bosch paralisa produção de semicondutores por restrições aéreas

Frankfurt (Alemanha), 21 abr (EFE).- A empresa tecnológica alemã Bosch se viu obrigada a paralisar a produção de semicondutores diante dos problemas de fornecimento de material causados pelas restrições no tráfego aéreo europeu.

EFE |

A Bosch informou hoje que são quatro as fábricas afetadas pela medida: três na Alemanha (Reutlingen, Ansbach e Salzgitter) e uma na República Tcheca (Hatvan).

Segundo Bernd Bohr, membro do conselho diretor da Bosch, apesar da flexibilização das restrições decretadas como consequência das cinzas procedentes de um vulcão islandês, voltar à normalidade na produção levará algum tempo.

A Bosch é a segunda grande empresa alemã que interrompe a produção por causa de cortes no fornecimento de materiais.

Além dela, a fabricante automobilística BMW também havia paralisado a produção por falta de componentes elétricos na fábrica de Dingolfing (sudeste da Alemanha). Já as fábricas de Regensburg e Munique, no sul do país, paralisarão a produção hoje e amanhã. EFE cv/sa

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG