Bombeiros salvam bebê de 22 dias entre os escombros no Haiti

Um bebê de 22 dias foi resgatada com vida após passar uma semana preso em escombros, depois que o terremoto que atingiu o Haiti em 12 de janeiros destruiu sua casa na cidade de Jacmel, sudoeste do país.

EFE |


O resgate foi feito por bombeiros colombrianos, que foram deslocados para Jacmel, 40 quilômetros ao sul de Porto Príncipe. Eles contaram com a colaboração de um grupo de busca francês e disseram que a menina, identificada como Elizabeth, está internada em situação estável.

A mãe do bebê explicou aos bombeiros que no dia do terremoto o prédio desabou e ela foi jogada para fora, enquanto a menina ficou trancada em um dos quartos da casa.

Elizabeth estava deitada em uma cama sobre a qual havia uma viga que bloqueou a queda total do telhado, deixando espaço para a menina respirar. Os bombeiros consideraram o caso "um milagre".

AP

Mulher sorri ao ser salva dos escombros

Nesta quarta-feira, equipes de busca dos Estados Unidos, França e Turquia resgataram com vida uma jovem de 25 anos, Hoteline Losama , quem passou 7 dias presa entre um refrigerador e um corpo.

Ena Zizi, uma haitiana de 69 anos, foi retirada nesta quarta-feira com a ajuda de grupo de resgate mexicano, que localizou à mulher entre as ruínas da casa paroquial de Porto Príncipe, um prédio de três pavimentos construído ao lado da Catedral.

AP

Ena Zizi é salva pelas equipes de resgate em Porto Príncipe

Especialistas em resgates de diferentes países que chegaram à capital haitiana para buscar sobreviventes repetiam há dias que as possibilidades de encontrar pessoas com vida eram mínimas depois dos primeiros três ou quatro dias do desastre.


Veja também:

Leia mais sobre terremoto

    Leia tudo sobre: haititerremoto

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG