Bombeiros encontram primeiro morto em incêndios na Califórnia

Os bombeiros que combatem diversos focos de incêndio na Califórnia encontraram nesta sexta-feira a primeira vítima fatal das chamas, em uma casa destruída no norte do estado.

AFP |

Agentes do escritório do xerife confirmaram que o corpo de um homem foi descoberto dentro de uma casa queimada em Concow, na região de Paradise, 144 km ao norte de Sacramento.

Segundo o sargento do distrito de Butte, Steve Pelton, o corpo estava tão queimado que não foi possível determinar se a vítima era do sexo masculino ou feminino.

Nesta sexta-feira, o governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, pediu mais 2 mil homens da Guarda Nacional para combater as chamas.

"Estou pedindo mais 2 mil homens da Guarda Nacional da Califórnia para aumentar nossas forças de bombeiros", revelou Schwarzenegger.

Até o momento, 304.700 hectares já foram destruídos, por diversos focos, o que transforma a atual onda de incêndios na pior da história da Califórnia.

Segundo as últimas informações, 322 focos permanecem ativos no estado.

A onda de incêndios teve início no dia 20 de junho, quando uma tempestade elétrica, sem chuva, atingiu a região.

Em outubro do ano passado, os incêndios florestais na Califórnia deixaram oito mortos, arrasaram 2.000 casas e provocaram 2 bilhões de dólares em prejuízos.

rcw/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG