Bombeiros conseguem avanços no combate ao fogo na Califórnia

Os bombeiros conseguiram avanços significativos contra as centenas de focos de incêndio na Califórnia (oeste), graças às baixas temperaturas e aos ventos mais calmos - cenário que deve mudar nas próximas horas com a chegada de uma onda de calor, o que preocupa as autoridades.

AFP |

Segundo o último relatório do Departamento de Proteção de Florestas e Incêndios da Califórnia, divulgado nesta terça-feira, 323 incêndios ainda continuam ativos. O documento informa ainda que mais de 255.000 hectares já foram queimados desde 20 de junho. A maioria dos focos começou por causa de tempestades elétricas.

Ao todo, 18.400 bombeiros atuam no combate aos incêndios florestais em todo o estado. Os focos mais violentos ainda ativos ficam perto das cidades de Santa Barbara, 165 km ao norte de Los Angeles, e Big Sur, 193 km ao sul de São Francisco.

Com a ajuda da queda das temperaturas, os bombeiros conseguiram avançar para apagar as chamas de dois focos que queimaram grandes áreas da floresta nacional Los Padres.

O incêndio perto de Santa Barbara, que obrigou a evacuação dos moradores de mais de 1.700 casas, estava contido em cerca de 50% nesta terça-feira, e apenas 300 moradias ainda continuavam sob ordem de evacuação.

No entanto, o fogo perto de Big Sur, que reduziu a cinzas mais de 32.500 hectares, tem apenas 18% de sua extensão controlada.

Uma onda de calor deve chegar nesta quarta-feira à costa oeste dos Estados Unidos, trazendo temperaturas acima dos 37 graus Celsius - que somadas a uma seca extrema e à vegetação seca das montanhas formam condições favoráveis para os incêndios.

rcw/ap/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG