Bombardeio americano deixa 24 talibãs mortos no Afeganistão

Cabul, 15 jun (EFE).- Pelo menos 24 talibãs morreram ontem em um ataque aéreo da coalizão liderada pelos EUA na província de Uruzgan, no sul do Afeganistão, informou hoje uma porta-voz militar americana à Agência Efe.

EFE |

Um grupo de fundamentalistas armou uma emboscada para a patrulha americana, no distrito de Dehraood, segundo a porta-voz Elizabeth Mathias.

Um tiroteio deixou três soldados feridos. As tropas pediram "apoio aéreo" e o bombardeio americano matou 24 talibãs, segundo Mathias.

A porta-voz disse que os enfrentamentos e o ataque aéreo não fizeram vítimas civis.

Tanto a coalizão liderada pelos EUA, quanto a Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf), sob comando da Otan, protagonizam frequentes operações contra a insurgência talibã em seus principais redutos, no sudeste do Afeganistão.

O general americano Stanley A. McChrystal chegou ontem ao Afeganistão para tomar posse de seu cargo à frente da Isaf e das tropas americanas que atuam paralelamente na operação antiterrorista "Liberdade Duradoura".

McChrystal manifestou seu desejo de ganhar o apoio do povo afegão através da implantação de projetos de desenvolvimento e "operações de precisão" guiadas por relatórios de inteligência, com especial atenção para a proteção dos civis. EFE nh-amp/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG