Bomba fere soldados de missão de paz da ONU no Líbano

Cinco militares franceses e um civil libanês fcam feridos em ataque contra jipe na cidade de Tiro, sul do país

iG São Paulo |

Uma bomba explodiu nesta sexta-feira perto de uma patrulha das forças de paz da Organização das Nações Unidas (ONU) no sul do Líbano, ferindo cinco soldados franceses e um civil libanês.

AP
Funcionários da ONU e equipes de resgate são vistos em local de explosão no Líbano

A explosão atingiu um jipe que transportava os soldados franceses na periferia da cidade de Tiro. Foi o terceiro ataque este ano contra as forças da ONU, conhecidas como Unifil, enviadas à região para manter a paz ao longo da fronteira entre o Líbano e Israel.

Nenhum grupo assumiu responsabilidade pelo ataque e o chanceler francês, Alain Juppé, pediu que as autoridade libanesas punam os responsáveis e garantam a segurança dos soldados da ONU. “A França não será intimidade por esses atos desprezíveis”, afirmou, em comunicado.

Forças da ONU estão no Líbano desde 1978, mas o número de soldados passou para quase 12 mil em 2006, numa tentativa de manter a segurança na fronteira após a guerra entre Israel e o grupo militante libanês Hezbollah.

Fontes diplomáticas citadas pelo jornal francês "Le Figaro" advertiram recentemente que as tropas francesas no Líbano poderiam ser alvo de agressões devido à postura da França contra a Síria, já que uma parte das forças políticas libanesas é aliada do regime de Damasco.

Os boinas azuis franceses já foram alvo de atentado no fim de julho, quando uma explosão na cidade meridional de Sidon deixou seis soldados feridos .

Este ataque ocorreu dois meses depois de seis boinas azuis italianos e dois civis libaneses serem feridos ao norte de Sidon, em um atentado que afetou quatro veículos de um comboio da Finul que seguia para Beirute.

Com AP, Reuters e EFE

    Leia tudo sobre: líbanoonufrançamissão de paz

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG