Bomba deixa um morto e 27 feridos na cidade libanesa de Trípoli

TRÍPOLI (Reuters) - Uma bomba matou neste sábado um homem e feriu 27 pessoas em um bloco de apartamentos na cidade de Trípoli, no norte do Líbano, informaram fontes médicas e de segurança. A explosão ao amanhecer causou grandes danos aos prédios na região de Bab Tibbaneh, próxima aos locais de combates entre sunitas apoiadores do governo e alauitas seguidores da oposição no domingo, quando nove pessoas foram mortas.

Reuters |

Equipes de resgate entraram nos escombros e levaram os feridos para o hospital. Moradores foram vistos carregando seus pertences para fora das casas. O único morto foi identificado como Mohammad Aloush, um sunita.

Trípoli é dominada pela coalizão sunita anti-Síria. Os alauitas, cuja fé é uma ramificação dos xiitas islâmicos, possuem laços com a Síria e com a oposição libanesa, liderada pelo grupo xiita Hezbollah.

Em um telefonema para o primeiro-ministro nomeado Fouad Siniora, o xeique Malek al-Shaar, mufti sunita de Trípoli, pediu mais tropas para manter a paz na cidade, informou a Agência de Notícias Nacional.

Um acordo mediado pelo Catar encerrou em maio 18 meses de conflito político entre a coalizão de governo e a oposição.

(Escrito por Tom Perry em Beirute)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG