Tamanho do texto

Bangcoc, 1 set (EFE).- Uma bomba explodiu esta madrugada sem causar vítimas em um posto policial próximo ao escritório do primeiro-ministro tailandês, Samak Sundaravej, ocupada há sete dias por milhares de manifestantes contrários ao Governo.

A explosão ocorreu pouco depois que a sessão extraordinária do Parlamento tinha terminado sem que a oposição e o Governo chegassem a um acordo para resolver a crise criada pelos protestos, lideradas pela opositora Aliança Popular para a Democracia (APD).

Agentes da Polícia averiguam a origem da explosão, que quebrou os vidros do posto policial, onde na hora não havia nenhum agente. EFE grc/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.