Bolívia quer pedir aos EUA apoio logístico para erradicar coca

La Paz, 14 jan (EFE).- O Governo da Bolívia pretende pedir à divisão antinarcóticos da Embaixada dos Estados Unidos (NAS) apoio logístico para os trabalhos de erradicação de cultivos ilegais de coca na região de Yungas, no trópico de La Paz, confirmaram hoje à Agência Efe fontes do Ministério da Defesa.

EFE |

O ministro da Defesa, Wálker San Miguel, disse que as brigadas de erradicação de coca "necessitam de mais equipes, veículos e helicópteros", e para isso seu Governo espera contar com a cooperação americana.

O Executivo boliviano pretende "negociar a cooperação com o Governo dos EUA através da agência NAS", que, segundo o ministro, "continuará apoiando a Bolívia, embora aparentemente com algumas reduções".

As relações entre os dois países se encontram em um de seus momentos mais frios, desde que em setembro do ano passado, Morales expulsou o embaixador americano, Philip Goldberg, depois de acusá-lo de conspiração.

Washington respondeu com a mesma medida contra o embaixador Gustavo Guzmán, e posteriormente cancelou à Bolívia os benefícios tarifários que concede aos países da região andina como compensação em seus esforços contra o narcotráfico. EFE az/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG