Bolívia nega que Colômbia tenha alertado sobre presença das Farc no país

La Paz, 2 abr (EFE) - O Governo da Bolívia nega que a Colômbia tenha pedido informação ou alertado para a presença da guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias (Farc) na região cocaleira de Chapare (centro), disseram hoje fontes oficiais.

EFE |

Segundo uma fonte do Ministério da Defesa, este escritório não recebeu qualquer solicitação de dados ou um alerta do Governo do presidente Álvaro Uribe, como publicou esta semana o jornal "El Tiempo" de Bogotá, ao citar um relatório do Departamento Administrativo de Segurança (DAS) da Colômbia.

Este periódico publicou na terça-feira passada que a inteligência colombiana advertiu em várias ocasiões aos Governos de Argentina, Brasil, Equador, Venezuela e Bolívia da presença das Farc em seu território.

O jornal "La Razón", de La Paz, citou hoje o relatório do DAS e indicou que o Governo colombiano contatou as autoridades bolivianas em pelo menos três ocasiões, para alertar-lhes sobre a presença das Farc em seu país. EFE az/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG