Bolívia: Evo Morales aceita convocar referendo que pode revogar seu mandato

O presidente da Bolívia, Evo Morales, aceitou convocar um referendo que pode levar à revogação de seu mandato e do de nove prefeitos regionais em um prazo de 90 dias, após a aprovação de uma lei no Congresso bicameral, informou o governo nesta quinta-feira.

AFP |

"É melhor que o povo decida o destino do país", disse Morales, que também anunciou que está à espera do projeto de lei aprovado nesta quinta pelo Congresso.

O presidente destacou a necessidade de "definir nas urnas e não com violência, dentro da constitucionalidade", a atual crise política que afeta o país e mantém o governo central e quatro regiões rebeldes em pé de guerra.

rb/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG