La Paz, 28 mai (EFE).- O Governo da Bolívia confirmou hoje dois casos da gripe suína no departamento (estado) de Santa Cruz, no leste do país, os quais ainda deverão ser verificados pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

O ministro da Saúde boliviano, Ramiro Taipa, disse à emissora de televisão estatal em Santa Cruz que os afetados são uma mulher de 39 anos e seu filho de 7, ambos procedentes de Nova York.

Por isso, Taipa insistiu que se trata de um "caso importado".

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE az/bba

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.