Bo, cachorro de estimação dos Obama, é apresentado na Casa Branca

Bo, escolhido pela família Obama para ser o novo primeiro-cão dos Estados Unidos, foi oficialmente apresentado à imprensa nesta terça-feira, diante de um mar de jornalistas que se acotovelavam pelo melhor ângulo do animalzinho, interesse que o presidente chamou de espetacular.

AFP |

O cão d'água português preto, de seis meses de idade, apareceu nos jardins da Casa Branca muito alegre e controlado a custo pela primeira-dama Michelle Obama, que o levava na coleira ao lado das filhas Malia e Sasha.

Barack Obama, que as esperava no jardim e acompanhava a cena com um olhar terno, foi o primeiro a falar.

"Finalmente tenho um amigo, demorou um pouco", brincou Obama, evocando a famosa fala do ex-presidente Harry Trumam, que afirmava que "se você quiser ter um amigo em Washington, tenha um cachorro".

Deixando de lado questões políticas e econômicas, o presidente fez comentários sobre eventuais "problemas" que o novo habitante da Casa Branca poderia causar.

"(O problema do cão d'água português) é que ele gosta de tomates. O jardim de Michelle corre perigo", disse, referindo-se à pequena horta plantada por sua mulher na semana passada.

Perguntado onde Bo irá dormir, Obama respondeu: "Na minha cama, não".

lal/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG