Bispos alemães querem que papa se pronuncie esta semana sobre pedofilia

Berlim, 17 mar (EFE).- A Conferência Episcopal alemã espera que o papa Bento XVI se dirija ainda nesta semana às vítimas de abusos sexuais na Alemanha por parte de membros da Igreja Católica e se pronuncie sobre o escândalo que atinge a Igreja no país.

EFE |

O pedido foi feito pelo prelado Karl Jünsten, membro do comissariado da Conferência Episcopal Alemã, durante uma entrevista no jornal matinal da principal rede de televisão pública alemã, a "ARD".

"Está anunciado que esta semana (o papa) vai se pronunciar sobre o caso da Irlanda, e não podemos descartar que também aborde a situação na Alemanha. Trata-se de sua pátria. É importante contar nesta mesma semana com um pronunciamento", disse Jünsten.

O arcebispo Rino Fisichella tinha anunciado anteriormente na imprensa italiana que o papa tem intenção de comunicar medidas concretas para enfrentar a pedofilia na Igreja Católica em carta que enviará aos bispos irlandeses. EFE jcb/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG