Bispo é multado em 10 mil euros por negar Holocausto judeu

Berlim, 16 abr (EFE).- Um tribunal de primeira instância de Regensburg (sul da Alemanha) impôs hoje uma multa de dez mil euros ao bispo lefebvriano, Richar Williamson, por negar o Holocausto judeu, um delito punível na Alemanha.

EFE |

Williamson pôs em dúvida, em entrevista concedida à televisão sueca no final de 2008 e gravada na Alemanha, o massacre sistemático de judeus nas câmaras de gás do Terceiro Reich.

O bispo britânico, de 70 anos, recorreu da primeira multa imposta pela promotoria alemã, de 12 mil euros, que a magistrada Karin Frahm baixou hoje para dez mil euros.

O advogado de Williamson, Matthias Lossmann, reivindicou a absolvição de seu cliente porque, apesar de por em dúvida o massacre dos judeus por parte do nazismo, fez isso "sem premeditação".

Segundo Lossmann, a pergunta foi feita de "surpresa" e Williamson, após responder, solicitou que essa parte da entrevista não fosse transmitida na Alemanha.

O bispo britânico não foi ao tribunal porque, explicou o advogado, a Irmandade de Pio, seguidora do francês Marcel Lefebvre, o proibiu. "Se não, estaria aqui de boa vontade", insistiu.

Os três jornalistas suecos, chamados a testemunhar, também não se apresentaram ao tribunal. O representante legal da rede sueca enviou uma carta em que ressalta que o processo contra Williamson transgride a lei sueca relativa à liberdade de expressão.

Na entrevista, o bispo britânico negou que o regime nazista foi o responsável pela morte de seis milhões de judeus e afirmou que, no máximo, morreram entre 200 e 300 mil pessoas, e nenhuma delas nas câmaras de gás dos campos de extermínio.

As declarações de Williamson, retransmitidas na Suécia no começo de 2009, provocaram um escândalo, pois coincidiram com o levantamento por parte do Vaticano da excomunhão que pesava sobre ele e outros três seguidores do cismático francês Marcel Lefebvre, fundador da Irmandade de Pio X. EFE nvm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG