Biografia não autorizada conta segredos de princesa holandesa

Buenos Aires, 29 mar (EFE).- Detalhes de uma história de amor, intrigas palacianas e políticas internas se mesclam em uma biografia não autorizada da princesa Máxima, da Holanda, que chegará nesta semana às livrarias.

EFE |

Os jornalistas argentinos Gonzalo Álvarez Guerrero e Soledad Ferrari são os autores de "Máxima, una historia real" ("Máxima, uma história real") que, afirmam os escritores, "a Casa Real holandesa não queria que fosse publicada".

"A Máxima deste livro não é a das revistas. Não é a jovem aristocrata e moderna, nem a gineta intrépida e aventureira, nem a economista brilhante que a versão oficial da Coroa nos conta", afirma um comunicado da editora Random House Mondadori.

"Aqui encontrará a verdadeira Máxima: a que lutou por toda a vida contra a balança e nunca escondeu suas ambições. A que, sob a tutela da sogra, a rainha, aprendeu a evidenciar suas virtudes e a esconder seu passado", diz a nota sobre o livro.

A obra traz a vida escolar de Máxima, sua adolescência e juventude e o início do namoro com o príncipe da Holanda, Willem-Alexander, até chegar a sua atual vida "de castelo em castelo", entre outros detalhes.

Máxima é "a moderna protagonista de uma incrível história de amor, onde não faltam intrigas palacianas, políticas internas, traições, renúncias, sacrifícios e uma intensa luta pelo poder", destaca o comunicado da editora.

"Com sua arma mais eficaz - o sorriso que a tornou famosa - e explorando sua espontaneidade até o limite que permite o protocolo, Máxima conseguiu encantar o príncipe Willem-Alexander, cativar a rainha Beatrix e se tornar a mulher mais popular da Holanda", relata. EFE ms/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG