Cairo, 25 mar (EFE).- O líder da Al Qaeda, Osama bin Laden, ameaçou hoje matar todo americano que seu grupo tiver como refém se o suposto cérebro dos atentados de 11 de setembro de 2001 for executado.

Em uma mensagem de áudio transmitida pela rede de TV "Al Jazira", Bin Laden disse que, no dia em que os EUA tomarem a decisão de executar Khaled Shaij Mohammed, a Al Qaeda executará todos os americanos em seu poder. EFE jfu/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.