Bin Laden acusa Obama de incitar ódio muçulmano em relação aos EUA

Cairo, 3 jun (EFE).- O líder máximo do grupo terrorista Al Qaeda, Osama bin Laden, acusou hoje o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, de seguir o caminho de seu antecessor e incentivar o ódio dos muçulmanos em relação ao país.

EFE |

"Que o povo americano se prepare para fazer frente ao que os dirigentes da Casa Branca semeiam", afirmou Bin Laden em uma gravação de áudio divulgada hoje pelo canal de televisão catariano "Al Jazira". EFE hh-aj-ag/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG