Plano México para combater narcotráfico - Mundo - iG" /

Bill Clinton recomenda Plano México para combater narcotráfico

México, 24 abr (EFE).- O ex-presidente americano Bill Clinton recomendou hoje ao Governo mexicano que desenhe seu próprio plano contra o narcotráfico, similar ao Plano Colômbia, sem subordinações e sem que o mesmo represente uma intromissão dos Estados Unidos.

EFE |

"Claro que eu gostaria de ver um 'Plano México'. Os Estados Unidos o colocou mais de uma vez, mas a cultura política de feroz sentido de independência (no México) o dificulta", expôs o ex-líder dos EUA em uma conferência magistral oferecida hoje na Universidade do Vale do México, na capital do país.

Clinton, considerado um político aliado e próximo ao México durante seu mandato (1993-2001), insistiu que a iniciativa antidrogas poderia se parecer com o "Plano Colômbia" que, na sua opinião, funcionou bem frente aos poderosos traficantes de cocaína de Bogotá.

Este plano, financiado pelos EUA, foi estipulado em 1999 pelas Administrações dos então presidentes Andrés Pastrana e Bill Clinton, como uma estratégia de luta contra o narcotráfico e o terrorismo na Colômbia.

Clinton disse hoje que os Estados Unidos não só deve impulsionar esta ideia no México, mas, além disso, assegurar-se que "não haja nenhum cidadão mexicano que pense que nós estamos intervindo em seus assuntos ou que estejamos tratando de determinar o futuro de seu país".

Para o político democrata em todo caso um hipotético "Plano México" deveria surgir de um trabalho "conjunto" como premissa.

ea/pb

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG