Beyoncé inaugura salão de beleza para ensinar cosmética a viciadas em drogas

Nova York, 5 mar (EFE).- A cantora americana Beyoncé inaugurou hoje um salão de beleza dentro de um centro para reabilitação de mulheres dependentes químicas em Nova York para que elas possam começar uma carreira como profissionais da beleza.

EFE |

A intérprete de músicas famosas como "Crazy in Love" e "Single Ladies" participou da inauguração no bairro nova-iorquino de Brooklyn do chamado Beyoncé Cosmetology Center. Dentro do centro social Phoenix House, o salão oferecerá programas educacionais orientados ao mundo da cosmética.

"A toxicomania é uma doença e essas belas mulheres não escolheram ser viciadas, mas sim escolheram se curar e melhorar", disse Beyoncé em um ato no qual defendeu a inclusão da cosmética entre as profissões ensinadas na Phoenix House, porque é algo "mais atraente" para as mulheres.

A cantora e atriz, que preparou seu papel do filme "Cadillac Records" nesse centro nova-iorquino, disse que o importante é que "essas mulheres aprendam algo que contribua com habilidades para seguir a vida com esperança", após superarem dependências.

Beyoncé esteve acompanhada por sua mãe, Tina Knowles, que foi proprietária de um salão de beleza no Texas.

Compareceram ao ato o prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, e o presidente do distrito do Brooklyn, Marty Markowitz, quem elegeu a cantora oficialmente "filha de Brooklyn", pois ela é casada com o rapper e produtor musical Jay-Z, nascido nesse bairro nova-iorquino.

EFE dvg/sa

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG