Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Betancourt agradece a solidariedade da França e pede a continuidade da luta pelos reféns

A ex-candidata presidencial Ingrid Betancourt, resgatada hoje numa operação militar junto com três americanos e outros 11 reféns das Farc, agradeceu a França e ao presidente Nicolas Sarkozy por seu apoio e solidaridade.

AFP |

"Sei que com o presidente Sarkozy, com todos os franceses, com todos os amigos, com toda a Europa, com todos os que nos apoiaram, vamos seguir lutando pela libertação dos que ficaram" (na selva), destacou Betancourt ao chegar à base militar de Catam em Bogotá.

"Quero mandar uma mensagem ao povo da França. Obrigada por terem me acompanhado e estendido sua mão todos estes anos", reiterou Betancourt, que também possui nacionalidade francesa, do primeiro casamento.

"Sou colombiana e sou francesa, tenho dividido meu coração. Obrigada pelo tempo que empregaram em minha defesa e pelo apoio dado a meus filhos", acrescentou a ex-candidata presidencial.

Betancourt também recordou os esforços feitos pelo antecessor de Sarkozy, Jacques Chirac, e pelo primeiro-ministro Dominique Villepin, que foi seu professor na universidade.

"Obrigada França, obrigada França", acrescentou Ingrid em outro aparte destacando que "todos nós colombianos sabemos que temos irmãos, do outro lado do Atlântico, os irmãos da França, os franceses".

Ingrid disse emocionada que está certa, agora, de que "todos os colombianos que chegarem à França serão bem-vindos, porque a França nos acolheu, nos protegeu, lutou por nós e vestiu a camisa de todos os seqüestrados da Colômbia".

cop/hov/sd

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG