Berlusconi recebe voto de confiança da Câmara dos Deputados

Com 342 votos a favor e 275 contra, premiê consegue apoio essencial para continuar no cargo

iG São Paulo |

A administração do primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, obteve nesta quarta-feira um voto de confiança da Câmara dos Deputados. Segundo a vice-presidente da casa, Rosy Bindi, foram 342 votos a favor e 275 contra o voto de confiança.

Antes da votação, Berlusconi fez a apresentação de sua proposta, constituída de cinco pontos fundamentais (federalismo econômico, reforma tributária, iniciativas para o sul, Justiça e Segurança). No discurso, o premiê disse que a Itália não pode correr o risco de um período prolongado de turbulência política em tempos de crise econômica.

"É absolutamente do interesse do nosso país não correr o risco de um período de instabilidade neste momento em que a crise ainda não acabou", disse o premiê, que completa 74 anos nesta quarta.

AFP
Silvio Berlusconi Discursa no Parlamento Italiano

Durante a sessão estavam presentes 620 legisladores, dos quais 617 votaram.

O respaldo ao premiê era considerado essencial para que ele se mantivesse no cargo. Ele poderia perder a maioria no Parlamento devido à ruptura com seu então aliado Gianfranco Fini, titular da Câmara, que foi expulso do governista Povo da Liberdade (PDL) em julho passado.

Logo após sua saída, Fini, que deixou a sua Aliança Nacional (AN) para formar em 2009 o PDL, decidiu criar um novo grupo no Legislativo, levando consigo ao menos 33 deputados, o que poderia representar a perda da maioria governista, caso estes votassem contra Berlusconi.

Com Ansa

    Leia tudo sobre: itáliaberlusconi

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG