ROMA (Reuters) - O primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, negou na terça-feira que tenha se envolvido com uma menina de 17 anos, conforme acusou sua mulher, que recentemente pediu o divórcio. É mentira, disse Berlusconi ao principal talk show da TV italiana, referindo-se às acusações em torno de um possível romance com Noemi Letizia, em cuja festa de 18 anos ele esteve no mês passado.

Veronica Lario, mulher do premiê, manifestou sua ira ao anunciar nos jornais de domingo que pediria o divórcio. "Não posso estar com um homem que frequenta menores de idade", disse ela ao La Repubblica, acrescentando que Berlusconi nunca foi à festa de 18 anos nem dos próprios filhos.

"O primeiro-ministro seria louco a ponto de entrar numa situação dessas?", argumentou Berlusconi.

(Reportagem de Giuseppe Fonte)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.