Berlusconi diz que já não há lixo nas ruas de Nápoles e Campânia

Roma, 18 jul (EFE).- O presidente do Governo italiano, Silvio Berlusconi, disse que está orgulhoso de anunciar e de constatar que já não há lixo hoje pelas ruas da cidade de Nápoles (sudoeste) e na região de Campânia, depois da situação de emergência pelos anos de acúmulo de resíduos.

EFE |

O Conselho de Ministros se reunirá esta tarde em Nápoles, e Berlusconi anunciará que a "emergência dos lixos" terminou, após 15 anos em que viveu diferentes graus de gravidade.

O presidente do Governo italiano afirmou ainda que "serão necessários três anos" para completar o ciclo definitivo da eliminação de resíduos.

Em discurso na assembléia geral da associação de agricultores Coldiretti, Berlusconi lembrou que na campanha eleitoral havia "assumido o risco de garantir a solução desta tragédia" antes do final de julho.

"Fizemos o primeiro Conselho de Ministros em Nápoles há 58 dias e hoje estou orgulhoso de dizer que já não há lixo pelas ruas", afirmou.

O objetivo do Governo agora é "divulgar ao mundo uma imagem de uma Nápoles novamente limpa", já que em janeiro a imprensa internacional publicou várias fotografias que mostravam a grave situação em Campânia.

Berlusconi afirmou que não entende o que aconteceu na região, e disse que a crise foi gerada "por uma loucura geral de responsabilidade do mundo civil, político e criminoso". EFE cr/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG