proximidade após agressão - Mundo - iG" /

Berlusconi agradece a papa por proximidade após agressão

ROMA - O primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi, agradeceu ao papa Bento 16 por sua proximidade após a agressão que sofreu em Milão, em sua mensagem de Natal divulgada nesta quarta-feira.

EFE |


Na mensagem, enviada ao Secretário de Estado do Vaticano, Tarcisio Bertone, Berlusconi acrescenta que as palavras do papa após a agressão do dia 13 "foram de grande conforto".

O premiê afirma na carta que "a mensagem de paz e fraternidade de Cristo, que teria que reinar entre os homens, é infelizmente esquecida quando a força das ideias é respondida com violência verbal ou física".

Tanto Berlusconi quanto seu governo atribuíram o suposto clima de "ódio" no país ao gesto de Massimo Tartaglia, que atirou uma estatueta de ferro contra o primeiro-ministro, o que quebrou seu nariz e dois de seus dentes. Berlusconi também agradeceu a Bento 16 pela "preocupação" demonstrada diante dos desabrigados pelo terremoto na região dos Abruzzos.

Além disso, o primeiro-ministro ressaltou ao pontífice que "os valores cristãos estão sempre presentes na ação do governo" e prometeu que seu Executivo "adotará as medidas necessárias para garantir a serenidade e a paz social". Bento 16 deplorou a agressão a Berlusconi e enviou a ele um telegrama desejando uma "rápida recuperação".

    Leia tudo sobre: berlusconiitáliapapa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG