Bento XVI preocupado com Honduras

O Papa Bento XVI afirmou neste domingo que acompanha com preocupação a situação em Honduras, depois da expulsão do presidente destituído Manuel Zelaya, ao mesmo tempo que convidou os hondurenhos ao diálogo e reconciliação.

AFP |

"Sigo nos últimos dias com uma viva preocupação os acontecimentos em Honduras. Gostaria de convidá-los hoje a rezar para que os dirigentes deste país e sua população tomem o caminho do diálogo, da compreensão recíproca e da reconciliação", declarou o Papa após a benção do Angelus na praça de São Pedro, em Roma.

"Isto será possível se todos se esforçarem para tentar alcançar o bem comum com tenacidade: esta é a condição para assegurar uma coabitação pacífica e uma verdadeira vida democrática", acrescentou o Pontífice.

O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, foi expulso do país pelos militares na madrugada de 28 de junho. O presidente do Congresso, Roberto Micheletti, foi nomeado chefe de Estado.

ljm/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG