Cidade do Vaticano, 29 jun (EFE) - O papa Bento XVI pediu hoje a unidade de todos os cristãos durante a tradicional oração do Ângelus, à qual assistiu o Patriarca Ecumênico Bartolomeu I.

Ao contrário do costume dominical de rezar o Ângelus na Praça de São Pedro, o pontífice celebrou a oração hoje no interior da basílica de mesmo nome, após oficiar, no local, a missa solene pela festividade de São Pedro e São Paulo, durante a qual impôs o pálio aos 40 arcebispos nomeados no último ano.

No Ângelus, Bento XVI lembrou que no sábado começou o Ano Paulino, pelo que pediu aos fiéis que rezassem por esse motivo, assim como pela unidade dos cristãos, a evangelização e a comunhão na Igreja.

Tanto na abertura do Ano Paulino quanto na imposição, hoje, do pálio aos arcebispos, o Patriarca da Igreja Ortodoxa de Constantinopla Bartolomeu I teve uma presença destacada, com o que o papa quis simbolizar a necessidade de união de todos os cristãos.

EFE alg/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.