Bento XVI pede que jovens não se deixem levar pelo lucro fácil

Roma, 14 jun (EFE).- O papa Bento XVI pediu que os jovens não se deixem levar pelo lucro fácil e pelos prazeres materiais, durante o encontro de hoje com os habitantes de Brindisi, na região da Apúlia, dentro de sua visita pastoral a esta região do sul da Itália.

EFE |

Em seu discurso, o papa falou dos problemas que os jovens têm que enfrentar, principais alvos do ato realizado em uma das praças de Brindisi.

"Conheço seus problemas (...), como o dramático fenômeno do desemprego, que afeta principalmente os meninos e as meninas do sul da Itália", disse.

Bento XVI pediu que os jovens não se deixem levar por alguns dos "males" que os "espreitam", como "o lucro fácil, a tentação de se refugiar em paraísos artificiais, ou formas distorcidas de prazeres materiais".

"Busquem uma existência rica de valores para criar uma sociedade mais justa e mais aberta no futuro", disse Bento XVI aos jovens.

Também disse que "Cristo é a resposta" para todas as dúvidas e os problemas, mas que "não se conforma com pouco" e "espera" muito deles.

A visita a esta zona da Apúlia é a 10ª que Bento XVI realiza na Itália desde o início de seu Pontificado, e a segunda a esta região.

Durante o discurso de hoje, o papa também quis lembrar que, há alguns anos, o porto de Brindisi se transformou no lugar onde ocorriam os maciços desembarques de refugiados que chegavam da região dos Bálcãs.

Bento XVI agradeceu às autoridades e organizações humanitárias o trabalho que fizeram e que continuam fazendo para dar amparada aos imigrantes.

A visita do papa a Brindisi continuará amanhã, quando realizará uma missa no porto da cidade, enquanto à tarde se reunirá com os sacerdotes na catedral local. EFE ccg/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG