Bento XVI grava reflexões por não poder escrever após fratura

Cidade do Vaticano, 22 jul (EFE).- O papa Bento XVI grava suas reflexões, porque não pode escrever, já que está com o pulso direito imobilizado devido à fratura que sofreu há cinco dias ao escorregar no quarto, disse hoje o porta-voz vaticano, Federico Lombardi.

EFE |

O pontífice, acrescentou Lombardi, continua seus frequentes breves passeios pelo jardim do chalé que ocupa na localidade alpina de Les Combes, no Vale de Aosta, passeios que realiza após o almoço e no final da tarde.

"O santo padre está bem, de bom humor, continua aprendendo como se vive com o pulso imobilizado. Já que não pode usar com facilidade a pena, usa um gravador para poder ditar suas reflexões", informou Lombardi sobre o estado de saúde do papa.

O papa, acrescentou Lombardi, fala com regularidade com seu irmão Georg, que, após o pontífice voltar à residência de Castelgandolfo, no próximo dia 29, o visitará para passar um mês juntos.

O pontífice recebeu hoje, em Les Combes, o secretário de Estado Vaticano, o cardeal Tarcisio Bertone, que passa estes dias de descanso em sua localidade natal, Romano Canavese, na vizinha região de Piemonte.

O porta-voz confirmou que o papa irá na próxima sexta-feira à tarde à catedral de Aosta, a capital da região, não muito longe de Les Combes, para celebrar as vésperas junto a cerca de 500 sacerdotes e religiosos. EFE JL/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG