Papa deve se reunir hoje com autoridades civis no Palácio Público

O papa Bento 16 viajou neste domingo à República de San Marino, onde pediu um renovado compromisso com a fé que deixe de lado os atuais "modelos hedonistas que nublam a mente e arriscam anular toda moralidade".

"A riqueza deste povo, vossa riqueza, foi e é a fé e o fato de que esta fé tenha criado uma civilização verdadeiramente única (...)", disse o Pontífice em uma missa no Estádio de Serravalle perante 20 mil fiéis. "Hoje, vossa missão é enfrentar profundas e rápidas transformações culturais, sociais, econômicas, políticas, que determinaram novas orientações e modificado mentalidades, hábitos e sensibilidades", acrescentou.

Segundo Bento 16, em San Marino também não faltam as dificuldades e obstáculos propícios, sobretudo, por "modelos hedonistas que nublam a mente e fazem correr o risco de anular toda moralidade". O papa, que retoma a visita realizada por seu antecessor, João Paulo 2º em 1982, deve se reunir nesta tarde de domingo no Palácio Público com as autoridades civis de San Marino, Estado independente de 61,5 quilômetros quadrados no coração da Península Itálica.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.