Bélgica registra 1ª morte pela gripe

Bruxelas, 30 jul (EFE).- Uma mulher de 30 anos que tinha contraído o vírus da gripe suína morreu hoje de pneumonia em um hospital da região de Antuérpia, no primeiro caso fatal por esta doença na Bélgica.

EFE |

A jovem não apresentava nenhum fator de risco, confirmou a agência de notícias "Belga".

A vítima, com sintomas gripais comuns, foi a seu médico, que recomendou que se internasse no hospital com previsão reservada de pneumonia.

No momento da entrada, sua situação não era grave, mas evoluiu de maneira desfavorável, apesar do tratamento.

O Centro Europeu para Prevenção e Controle de Doenças (ECDC), ligado à União Europeia (UE), informou hoje que, nas últimas 24 horas, foram registrados 1,204 mil novos casos na Europa, dos quais 879 ocorreram na Alemanha. O total de contágios sobe para 24.021 e o número de mortes, para 38.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE mrn/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG