Bruxelas, 22 mai (EFE).- O Governo belga está disposto a receber alguns dos detidos de Guantánamo caso eles sejam libertados, disse hoje o ministro de Exteriores da Bélgica, Karel De Gucht, em entrevista à rádio local VRT.

"Estamos dispostos a estudar seriamente a possibilidade de recebermos alguns destes detidos na Bélgica, o que seria apreciado pelos americanos", afirmou De Gucht em Wahington, onde se reunirá hoje com a secretária de Estado americana, Hillary Clinton.

Este será um dos assuntos que o ministro belga tratará com os representantes do Governo dos Estados Unidos, segundo a "VRT".

De Gucht disse que se trataria de um número limitado de detidos, e que isso dependeria de determinadas condições. EFE ahg/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.