Bebê britânico vai morrer após derrota judicial dos pais

Os médicos vão interromper neste sábado o tratamento de um bebê britânico de nove meses gravemente enfermo, depois que os pais da criança perderam a batalha judicial para mantê-la com vida.

AFP |

Os pais queriam que os médicos prosseguissem com o tratamento do filho, que sofre trastornos de metabolismo por uma rara doença genética, além de danos cerebrais e insuficiência respiratória, mas os médicos argumentaram que não existem perspectivas de cura e que a criança sofre uma dor insuportável.

Um tribunal de apelação londrino decidiu a disputa a favor dos médicos, mas os juízes manifestaram a "mais profunda compaixão" pelos pais.

Os pais, que não tiveram as identidades reveladas por ordem judicial, assim como o bebê e o hospital em que está internado, afirmaram que estão "profundamente aflitos" com a sentença e anunciaram que o filho será desconectado neste sábado do aparelho de ventilação mecânica que o mantém vivo.

"Planejamos aproveitar o pouco tempo que nos resta com nosso filho", explicaram em um comunicado divulgado pelos advogados.

kah/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG