Nuvem de cinzas parou de ser expelida na ilha italiana depois de 12 horas de atividades ininterruptas

selo

O vulcão Etna, na ilha italiana da Sicília, jorrou lava e expeliu cinzas na quarta-feira, provocando o fechamento de um dos aeroportos locais. Apesar do susto, não há relatos de feridos ou de graves danos.

Erupções de menor escala começaram na cratera de Bocca Nuova no entardecer de segunda-feira. Nas duas noites seguintes, a atividade cresceu.

A nuvem de cinzas parou de ser expelida nesta quinta-feira, depois de quase 12 horas de atividades ininterruptas. O Instituto Italiano de Vulcanologia está monitorando o Etna através de câmeras.

O vulcão siciliano é o maior em atividade na Europa.

Assista ao vídeo:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.