Programa de TV sobre pedófilos gera polêmica após sumiço de suspeito

Homem de 61 anos desaparece após ser identificado como possível criminoso em atração de emissora alemã

BBC Brasil |

selo

Um programa de TV que tenta desmascarar pedófilos na Alemanha está sendo alvo de críticas depois que um dos suspeitos que apareceram na atração desapareceu sem deixar rastros.

No programa "Cena do Crime: Internet - Protegendo Nossas Crianças", do canal RTL2, uma mulher se finge de menor para contatar possíveis pedófilos em um chat na internet. Quando ambos marcam um encontro, quem comparece é uma atriz de 13 anos com uma câmera escondida. Depois, a "mãe" da garota, na verdade uma jornalista do programa, confronta o par.

A atração já vinha gerando polêmica, mas passou a causar "escândalo", como definiu o jornal "Berliner Zeitung", a partir de um episódio em que homem foi identificado por colegas de trabalho há mais de uma semana e nunca mais apareceu.

Sem provas

O suspeito, de 61 anos, coordena um centro de jovens católicos na cidade de Wurzburg (centro-sul do país). Ele foi mostrado com o rosto manchado e a voz distorcida, que não impediram sua identificação.

Segundo o "Berliner Zeitung", não há provas de que o homem já tenha incorrido em alguma atividade pedófila, embora os registros do chat permitam suspeitas. Em Wuzburg, não há sinais de que ele já tenha praticado qualquer violência sexual, e os seus colegas se disseram surpresos com a notícia.

A Procuradoria ainda está investigando o caso mas, por ora, não haveria razões para levar o suspeito à justiça.

Mulher de ministro

Desde o desaparecimento, especialistas e telespectadores têm feito críticas ao programa. Em uma entrevista ao jornal "Passauer Neue Presse", a ministra da Justiça, Sabine Leutheusser-Schnarrenberger, se posicionou contra o que ela disse ser um programa de televisão assumindo o papel da Justiça.

"Um Estado de Direito não precisa martirizar as pessoas", disse. "Precisamos evitar os pré-julgamentos antes de o sistema de Justiça investigar o caso. Nossa Justiça é extremamente valiosa e precisamos preservá-la."

Uma das apresentadoras de "Cena do Crime: Internet - Protegendo Nossas Crianças" é Stephanie zu Guttenberg, mulher do ministro da Defesa alemão, Karl-Theodor zu Guttenberg. Ativista na luta contra o abuso infantil, Stephanie é autora de um livro sobre o tema. Sua participação na atração fez com que o programa e a polêmica ganhassem ainda mais destaque no país.

    Leia tudo sobre: televisãoalemanhapedofilia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG