Nepalês que escalou Everest 19 vezes some após avalanche

Chhewang Nima, 43 anos, tentava chegar ao topo do Monte Baruntse, no Nepal, quando foi atingido

BBC Brasil |

selo

Um alpinista nepalês famoso por ter escalado 19 vezes o monte Everest está desaparecido depois de ter sido atingido por uma avalanche no Himalaia.

Chhewang Nima, 43 anos, desapareceu no sábado, enquanto ajustava cordas no Monte Baruntse (leste do Nepal), a uma altura de 7.045 metros, disse a sua agência de alpinismo.

Nima estava no local trabalhando como guia de uma expedição que pretendia chegar ao cume da montanha de 7.129 metros. Ele foi a única pessoa atingida pela avalanche.

Jiban Ghimire, diretor da Sherpa Shangri-la Treks and Expedition - empresa que organizou a excursão -, disse à BBC que Nima ainda poderia estar vivo. "Ele é um bom alpinista, ele sabe como sobreviver", afirmou Ghimire.

Os demais alpinistas chegaram a procurar por Nima, mas não o encontraram. Um helicóptero foi enviado ao acampamento-base da expedição para ajudar nas buscas, mas os fortes ventos impediram sua decolagem neste domingo.

Nima é integrante do grupo étnico sherpa - natural das regiões mais montanhosas do Nepal. Ele está a uma escalada de igualar o recorde de chegadas ao cume do Everest. A marca é do também nepalês Appa Sherpa, que realizou a façanha 20 vezes.

    Leia tudo sobre: everestnepalalpinismo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG