Kremlin nega ter censurado paródia de 'dancinha' de Medvedev

'Balanço' do presidente, cujos movimentos mostraram nítida falta de coordenação, foi capturado com uma celular e postado na web

BBC Brasil |

selo

O Kremlin rejeitou qualquer responsabilidade pela decisão de uma TV estatal russa de tirar do ar uma cena de paródia do presidente Dmitri Medvedev dançando. O 'balanço' do presidente, cujos movimentos deixaram entrever uma nítida falta de coordenação, foi capturado com uma câmera de telefone celular e postado na internet. Imediatamente o vídeo se tornou se popularizou na Rússia.

O presidente dançava ao ritmo da canção "American Boy". O programa mostra um grupo de comediantes dançando no mesmo estilo desconjuntado do líder russo, ao ritmo da mesma música. A atração é pré-gravada, mas, quando foi ao ar no Canal 1, não continha mais a cena. A emissora não deu explicações sobre o motivo da não divulgação.

O vídeo, assim como o original de Medvedev, também foi parar no YouTube. Após a decisão, o Kremlin rejeitou que tenha tido um dedo na decisão da TV estatal. A assessoria de comunicação de Medvedev disse que o presidente não se importa com as imitações. "Ele até postou no Twitter os links para algumas das paródias que ele mais gosta", disse a uma rádio russa a secretária de imprensa do presidente.

Assista ao vídeo:

    Leia tudo sobre: rússiamedvedevputinyoutubedançaparódia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG