Governo israelense afirma que soldados foram atacados por ativistas e atacaram em legítima defesa

selo

O governo de Israel divulgou imagens para apoiar alegações de que seus soldados agiram em legítima defesa ao utilizar a força contra tripulantes de navios que pretendiam levar ajuda humanitária a Gaza.

Assista ao vídeo:

Segundo Israel, os soldados responderam ao serem agredidos com facas, machados e armas de fogo no momento em que abordaram os barcos.Pelo menos nove ativistas morreram e houve feridos - entre eles, oito soldados.

O Conselho de Segurança da ONU pediu uma investigação imediata , imparcial e transparente sobre o ataque, condenou o uso da força que resultou na morte de civis e disse que a situação humanitária em Gaza é insustentável.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.