Incerteza sobre economia grega volta a derrubar bolsas

As preocupações sobre a economia grega e seu impacto na zona do euro voltaram a derrubar as bolsas nesta terça-feira nos Estados Unidos e na Europa. O euro caiu para o menor nível em 13 meses em comparação ao dólar, para US$ 1,3004, e chegou a ficar abaixo de US$ 1,30 durante o dia.

BBC Brasil |

As preocupações sobre a economia grega e seu impacto na zona do euro voltaram a derrubar as bolsas nesta terça-feira nos Estados Unidos e na Europa. O euro caiu para o menor nível em 13 meses em comparação ao dólar, para US$ 1,3004, e chegou a ficar abaixo de US$ 1,30 durante o dia. Nos Estados Unidos, as bolsas tiveram o pior desempenho em três meses. O índice Dow Jones despencou 2%, e a Nasdaq teve queda de 2,98%. Na Europa, o índice FTSE 100 da bolsa de Londres fechou o pregão em baixa de 2,56%; em Paris, o CAC 40 encerrou o dia em -3,6% e na Alemanha, o índice DAX registrou baixa de 2,60%. O principal índice da bolsa de Atenas fechou em -6,7%. Seguindo a tendência internacional, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) encerrou o pregão em baixa de 3,35%, em 64.869 pontos. Espanha e Portugal Analistas afirmam que as quedas refletem as dúvidas do mercado sobre o pacote de resgate de 110 bilhões de euros prometido pelos países europeus e pelo FMI (Fundo Monetário Internacional) à Grécia. Os líderes europeus esperavam que o anúncio do pacote pudesse restaurar a confiança dos investidores. Outra razão para as quedas seria o receio de que a crise enfrentada pela economia grega possa se repetir em outras nações europeias. Há temores de que países como Portugal e Espanha possam encontrar dificuldades para levantar o suficiente para cobrir seus déficits orçamentários.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG