Exposição mostra fotos inéditas de Hiroshima após bomba atômica

Fotos tiradas por autoridades norte-americanas logo após bombardeio e eram consideradas sigilosas

BBC Brasil |

Reprodução/BBC Brasil
Uma das 60 fotos de Hiroshima em exposição em Nova York
Uma exposição em Nova York exibe ao público imagens inéditas da cidade de Hiroshima logo após o bombardeio atômico de 1945. As fotos, antes consideradas documentos sigilosos, foram feitas por autoridades americanas que visitaram a cidade japonesa no mesmo ano do bombardeio e mostram uma cidade devastada e transformada em escombros.

Para a curadora-assistente da exposição, Erin Barnett, uma das imagens mais impressionantes é a que mostra uma escola com apenas uma de suas paredes ainda de pé. "É de partir o coração que só tenha sobrado uma parede e que as pessoas (ali) claramente tenham falecido", disse.

Ao menos 80 mil pessoas morreram no dia do bombardeio. Muitas outras morreram nos meses seguintes.
A exposição Hiroshima – Marco Zero – 1945 está em cartaz no International Center of Photography e reúne mais de 60 fotos da tragédia.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG