Deslizamentos matam mais de cem pessoas na China

Outras duas mil pessoas estão desaparecidas após fortes chuvas no noroeste do país

BBC Brasil |

selo

AP/AP Photo
Soldados e voluntários trabalham na remoção de lama na China em busca de sobreviventes
Pelo menos 127 pessoas morreram em deslizamentos de terra neste sábado na China, segundo a mídia estatal. Outras duas mil pessoas estão desaparecidas após fortes chuvas no noroeste do país. A área mais afetada foi a província de maioria tibetana de Gansu.

Os deslizamentos soterraram várias casas e bloquearam um rio, que acabou inundando uma ampla área, segundo autoridades. Soldados foram enviados para a região para procurar sobreviventes, e o primeiro-ministro Wen Jiabao foi à região inspecionar o trabalho de resgate.

Chuvas torrenciais Cerca de 19 mil pessoas vivendo perto do rio foram evacuadas. Uma pequena usina hidrelétrica também foi destruída, segundo a agência de notícias chinesa Xinhua. Autoridades disseram que a lama que ocupa o local está atrapalhando os trabalhos de resgate.

Cerca de 1,4 mil pessoas já morreram neste ano em enchentes que afetaram o centro e sul da China.

Os prejuízos já são de bilhões de dólares, com casas destruídas e terras produtivas inundadas, segundo o correspondente da BBC em Pequim, Michael Bristow.

    Leia tudo sobre: deslizamentochinamortes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG