Americano cai de 39 andares sobre carro estacionado e sobrevive

Jovem teria escrito no Facebook que sua vida "estava acabada"; polícia investiga se queda foi tentativa de suicídio

BBC Brasil |

selo

Um jovem de 22 anos de idade sobreviveu a uma queda de 39 andares depois de cair em um carro estacionado na calçada, na terça-feira, em Nova York. A polícia americana agora investiga se Thomas Magill pulou do alto do edifício.

Aparentemente o jovem não deixou nenhum bilhete suicida, mas teria dito em sua página no site de relacionamentos Facebook que sua vida "estava acabada". Magill caiu do alto do prédio na zona oeste de Nova York na terça-feira pela manhã e chegou ao solo ainda consciente.

De acordo com testemunhas citadas pelo jornal New York Daily News, Magill gritava "Minha perna! Minha perna!", depois de atravessar o vidro e cair no banco traseiro do Dodge Chaser. Segundo a imprensa americana, ele sofreu colapso do pulmão, uma perna quebrada e teve o calcanhar esmagado. A polícia informou que seu estado é crítico, mas estável.

Segundo o jornal New York Post, a queda foi de mais de 121 metros. O dono do carro, Guy McCormack, acredita que o rosário que ele mantinha no interior do automóvel salvou a vida de Magill. O jovem era aspirante a ator e cantor e havia morado no edifício do qual caiu, na West End Avenue.

    Leia tudo sobre: euajovemquedasuicídio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG