Adolescente afegã relata meses de tortura nas mãos de marido e sogros

Garota de 15 anos teve tufos de cabelo e pedaços de pele arrancados por recusar-se a se prostituir

BBC Brasil |

selo

Um vídeo obtido pela BBC mostra as marcas das terríveis torturas sofridas por Sahar Gul, uma adolescente afegã de 15 anos. Ela se casou há cerca de sete meses - quando tinha apenas 14 anos - com um homem de 30, que, juntamente com seus pais e irmãos torturaram a jovem por meses a fio e ainda fizeram-na passar fome.

Saiba mais: Costumes atrapalham mulheres do Afeganistão na Justiça

O caso veio a público depois que a polícia afegã conseguiu resgatar a adolescente, que havia sido trancada em um porão sem janelas da casa de seus sogros. Ela teve unhas e tufos de cabelo até mesmo pedaços de sua pele arrancados com alicates.

A jovem contou que foi submetida às torturas após ter se recusado a se prostituir. Entidades de direitos humanos dizem que atos de violência contra mulheres são comuns no Afeganistão. Somente no segundo semestre de 2011, foram registrados 1.026 casos. No ano passado, a cifra foi ainda mais elevada, com 2.700 incidentes.

Assista ao vídeo. Aviso: imagens são fortes

    Leia tudo sobre: afeganistãotortura

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG