Condenado escocês que atropelou idoso enquanto dirigia com namorada no colo

Por BBC |

compartilhe

Tamanho do texto

Acidente ocorreu quando Nathaniel Cooper ensinava a namorada a dirigir um jipe no interior da Escócia

BBC

Um motorista que causou a morte de um aposentado em Aberdeenshire, na Escócia, por dirigir perigosamente com a namorada sobre seu colo foi condenado a um ano de prisão. 

Nathaniel Cooper estava ensinando Kylie Johnston a dirigir quando o casal perdeu o controle do carro e bateu no trailer de Andrew MacKay. O acidente ocorreu em um camping em julho de 2013.

Cooper, de 31 anos, de Inverbervie, no nordeste da Escócia, já havia sido considerado culpado do crime.

Já Kylie, de 27 anos, foi condenada a cumprir 100 horas de trabalho comunitário.

O juiz responsável pelo caso descreveu o acidente como uma "tragédia" e acrescentou: "Eu aceito a versão de que os dois acusados estão genuina e profundamente arrependidos. Isso parece ser um caso único", disse o magistrado.

Durante o julgamento, o advogado de Kylie disse que ela teve problemas psicológicos após o acidente. A mulher da vítima, Mary Dobbin, disse que a jovem ficou visivelmente triste e fisicamente doente após a colisão.

Cooper estava ensinando Johnston a dirigir seu jipe em um camping próximo à cidade de Turriff.

Após a batida, MacKay, que tinha 65 anos, ficou preso debaixo de seu trailer. Ele chegou a ser levado para o hospital, mas morreu em consequência de ferimentos no tórax.

Leia tudo sobre: JustiçaEscóciamotoristacolocondenaçãoatropelamento

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas