Em depoimento, Rafed Said Amu conta como conseguiu escapar da morte pelas mãos dos militantes do Estado Islâmico

BBC

Rafed Said Amu sobreviveu a um massacre no norte do Iraque. O grupo extremista Estado Islâmico fuzilou ao menos 80 pessoas que viviam em seu vilarejo.

Foley: Radicais islâmicos dizem ter decapitado jornalista americano e fazem ameaças

Iraquiano Rafed Said Amu estava em grupo de 80 pessoas atingidas por pelotão de fuzilamento do Estado Islâmico, mas sobreviveu
BBC
Iraquiano Rafed Said Amu estava em grupo de 80 pessoas atingidas por pelotão de fuzilamento do Estado Islâmico, mas sobreviveu

Ainda no hospital, onde se recupera dos cinco tiros que levou, ele concedeu uma entrevista à repórter da BBC Yalda Hakim. Em seu depoimento, Amu conta como conseguiu escapar da morte pelas mãos dos militantes. Assista ao vídeo clicando neste link .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.