Americana lança campanha para achar mãe que a abandonou em lanchonete

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Pedido de ajuda do 'bebê do Burger King' foi compartilhado 20 mil vezes: 'Quero agradecer por ela não ter me jogado no lixo'

Reprodução/ Facebook
Katheryn Deprill: 'Espero que eu possa encontrá-la e dar um abraço nela depois de tantos anos'

Uma imagem publicada pela americana Katheryn Deprill, de 27 anos, em sua página do Facebook já foi compartilhada quase 20 mil vezes. Na foto, ela aparece segurando um cartaz em que pede ajuda para encontrar sua mãe biológica.

2012: Mãe lança campanha no Facebook contra professor que namora sua filha

É a segunda vez que a jovem, que é hoje mãe de três filhos, vira notícia. Moradora do pequeno vilarejo de South Whitehall Township, no Estado americano da Pensilvânia, Katheryn foi abandonada pouco depois de nascer no banheiro de uma franquia da rede de fast food Burger King. O caso foi publicado pela imprensa americana e Katheryn ficou conhecida como "o bebê do Burger King".

Hoje, Katheryn volta aos holofotes da imprensa com o sucesso, para ela inesperado, da campanha que lançou em sua página no Facebook. "Até hoje, acho que há uma parte de mim faltando", disse à rede de TV americana CNN.

Leia também: Traficante italiano é preso após postar foto no Facebook

Em seu álbum de fotos de criança, há diversos recortes de jornais com as notícias de quando ela foi encontrada no banheiro do restaurante. "Um cliente me ouviu chorar e notificou os funcionários, que me acharam no chão", acrescentou.

Katheryn foi encaminhada à adoção e acabou adotada pela família de Brenda Hollis, que só lhe contou as circunstâncias trágicas de suas primeiras horas de vida na adolescência. "Não estou querendo substituir meus pais e meus irmãos, porque eu tive a melhor infância do mundo", disse.

Novembro: 'Romeu e Julieta' sauditas viram tema de campanha no Facebook

A mãe adotiva de Katheryn, Brenda, apoia a decisão da menina. Ela afirma que está empolgada com a busca pela mulher que deu à luz sua filha. Katheryn diz também que há inúmeras razões por trás de sua iniciativa. Uma delas é conhecer seu histórico médico.

"Eu quero vê-la e lhe perguntar por que me abandonou. Também quero saber se tenho algum irmão ou irmã e se eles se parecem comigo", afirmou.

Ela diz que não tem rancor de sua mãe biológica. "Na verdade, quero dizer a ela 'Obrigado' por não ter me jogado no lixo", acrescentou. "Espero que eu possa encontrá-la e dar um abraço nela depois de tantos anos."

Redes sociais, como o Facebook, se tornaram nos últimos anos uma ferramenta eficaz na reunião de pessoas que perderam o contato por diferentes motivos como pais e filhos separados por divórcios ou adoções.

Leia tudo sobre: euafacebookredes sociaisburger king

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas