'Eu quero Maria de volta', diz mãe de menina criada por ciganos gregos

Por BBC Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Em programa de TV búlgaro, Sasha Ruseva nega ter vendido menina a casal preso acusado de sequestro

BBC

A mãe biológica da menina búlgara Maria deu entrevista a um programa de televisão na Bulgária no domingo (27) para dar a sua versão dos fatos no episódio que ganhou grande repercussão na Europa.

Conheça a nova home do Último Segundo

Mistério na Grécia: Testes de DNA confirmam que búlgara é mãe de Maria

Resposta: Ciganos acusados de sequestro dizem que mãe entregou menina

Maria foi encontrada na Grécia vivendo com um casal de ciganos. Os pais adotivos foram presos sob suspeita de sequestro e a menina levada a uma instituição de caridade.

Assista ao vídeo:

Um exame de DNA revelou que Sasha Ruseva - da comunidade cigana roma da Bulgária - é a verdadeira mãe da menina. Junto ao pai de Maria, Ruseva disse na televisão que deu a garota para uma mulher que não possuía filhos.

Ruseva argumenta que não tinha condições de criar outra criança, além das duas que já tem. No entanto, ela diz que não vendeu Maria e que agora se arrepende do que fez. O casal está sendo investigado na Bulgária.

Leia tudo sobre: mariagréciabulgáriasasha rusevaciganosroma

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas