Passageiro pousa avião após piloto desmaiar no Reino Unido

Por BBC Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Homem foi orientado pelo rádio no aeroporto de Humberside e conseguiu aterrissar após quatro tentativas

BBC

BBC
Pouso foi ovacionado pelos ocupantes da torre de controle do aeroporto de Humberside

Um passageiro conseguiu pousar um pequeno avião em um aeroporto britânico na noite desta terça-feira (8), após o piloto da aeronave desmaiar durante o voo.

Conheça a nova home do Último Segundo

Londres: Avião faz pouso de emergência em aeroporto

Equipes de emergência foram chamadas ao aeroporto de Humberside, no centro do Reino Unido, depois de o avião emitir um pedido de ajuda. Dois instrutores de voo orientaram o passageiro pelo rádio a pousar o aparelho, que levava apenas duas pessoas.

O passageiro precisou de quatro tentativas até conseguir pousar, ovacionado por aqueles que aguardavam na torre de controle. A polícia de Humberside confirmou na manhã desta quarta-feira (9) a morte do piloto. A causa da morte não foi divulgada.

Faíscas

Segundo testemunhas, o pouso foi praticamente normal, a não ser por algumas faíscas e choques de partes da aeronave no solo.

Nova Zelândia: Piloto faz pouso de emergência com helicóptero no mar

Em Nova York: Avião da TAM faz pouso de emergência em aeroporto

Um dos instrutores que orientou o pouso, Roy Murray, afirmou que o passageiro não tinha experiência de voo, mas fez um "trabalho extraordinário".

"Ele fez um pouso muito bom. Ele não conhecia a disposição dos comandos, não tinha as luzes ligadas, então estava voando totalmente no escuro", disse Murray, que comanda uma escola de aviação no aeroporto de Humberside.

Murray disse ter tentado manter o homem calmo enquanto explicava os procedimentos de pouso. "A última coisa que você quer é criar pânico, senão todo tipo de problema pode acontecer", afirmou.

"É um sentimento fantástico saber que consegui algo e provavelmente salvei a vida de alguém", comentou. "Acho que sem qualquer orientação ele provavelmente teria caído no chão."

O avião, com o piloto e o passageiro, havia decolado da pista de pouso de Sandtoft, a 40 quilômetros de distância.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas