Turista americano quebra estátua do século 14 em Florença, Itália

Por BBC Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Segurança viu quando homem tocava suposta obra de Giovanni d'Ambrogio em Florença, quebrando seu dedo

BBC

Umberto Visintini
'Não toque': Uma regra que todos os visitantes deveriam conhecer

Uma estátua do século 14 teve o dedo quebrado por um turista americano na cidade de Florença, Itália. Um segurança viu quando o homem tocava a estátua e tentou impedir que ele continuasse, mas já era tarde demais.

Leia também: Conheça Florença de bicicleta!

Acredita-se que a escultura é um trabalho de Giovanni d'Ambrogio, artista da região de Florença, com trabalhos feitos entre os anos 1382 e 1418, considerado o precursor de Donatello.

Prejuízo

Ainda não está claro qual será o custo para se reparar o dedo da estátua, que já era um pedaço que foi adicionado à obra original.

O turista, que teria se desculpado pelo dano, pode receber uma multa. Ele foi publicamente criticado pelo diretor do museu. "Não toque", afirmou Timothy Verdun, é uma regra "fundamental" de um museu que foi esquecida.

O museu

A obra danificada pelo turista estava em exibição no Museo dell'Opera del Duomo, uma das principais atrações turísticas de Florença, cidade que recebe cerca de 1,6 milhão de turistas ao ano, de acordo com a Euromonitor International, entidade de pesquisas em turismo.

No museu existem obras raras como Os portões do Paraíso - um enorme portal dourado criado por Lorenzo Ghiberti, em exibição depois de 27 anos de restauração -, além de obras importantes de Donatello, como Magdalene e Pietá.

Leia tudo sobre: itáliaestátuaflorença

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas