Casa de sequestrador de três mulheres em Ohio é demolida; assista

Por BBC Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Casa era de Ariel Castro, sentenciado à prisão perpétua por estuprar mulheres em cativeiro por mais de uma década

BBC

Começou a demolição, nesta quarta-feira, da casa onde três mulheres foram mantidas presas e foram estupradas durante mais de uma década em Cleveland, no Estado de Ohio, noroeste dos EUA.

Nesta quarta: Casa de Ariel Castro é demolida

Perfil: Saiba quem são as três mulheres resgatadas após dez anos nos EUA

A casa pertencia a Ariel Castro, de 53 anos, um ex-motorista que foi preso em maio e condenado na semana passada à prisão perpétua e a mais 1 mil anos de detenção pelos crimes, sem direito a condicional. Ele pediu desculpas, mas disse que não era um "monstro", e sim uma pessoa "doente".

Assista ao vídeo da demolição:

Punição: Raptor de três mulheres em Ohio é sentenciado à prisão perpétua

Os responsáveis pela demolição pretendiam concluir o trabalho ainda nesta quarta-feira para impedir que destroços da casa fossem coletados por curiosos e vendidos na internet.

Michelle: 'Agora seu inferno vai começar', diz vítima a sequestrador de Ohio

Michelle Knight, uma das vítimas de Castro, esteve diante da casa no início da demolição. Ela disse que as mães de crianças desaparecidas não devem perder a esperança. Além de Knight, Amanda Berry e Gina DeJesus ficaram mais de dez anos presas na casa em Cleveland.

Leia tudo sobre: ariel castroamanda berrygina dejesusohioclevelandmichelle knight

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas